EAD Século 21

  • Central de atendimento
  • Atendimento on-line
  • Atendimento por e-mail

Sala de aula

Cursos

Receba notícias



Sugestões

Catecismo da Igreja Católica - Módulo 11

Categoria: Catequese

<

Catecismo da Igreja Católica
Inscrições abertas Período de acesso: 1 mês
Carga Horária: 54h  Vídeo Demonstrativo
Recursos:  Apostila Certificado

Neste 11º módulo, Dom Murilo aborda a terceira parte do Compêndio do Catecismo da Igreja Católica, "A Vida em Cristo".

A segunda seção, "Os 10 mandamentos", é comentada em 2 partes por D. Murilo. Esta primeira parte é baseada nas questões 434 a 486 do Compêndio do Catecismo da Igreja Católica. 

 

 

 

Investimento:

GRATUITO

Formas de pagamento

Este curso é composto por 14 módulos. No módulo 11 serão abordados os assuntos:

Segunda Seção - Os Dez Mandamentos

434. "Mestre, que devo fazer de bom para ter a vida eterna?" (Mt 19,16).
435. Como Jesus interpreta a Lei?
436. O que significa "Decálogo"?
437. Qual é a ligação do Decálogo com a Aliança?
438. Que importância dá a Igreja ao Decálogo?
439. Por que o Decálogo constitui uma unidade orgânica?
440. Por que o Decálogo obriga gravemente?
441. É possível observar o Decálogo?

Capítulo 1° -"Amarás o Senhor teu Deus de todo o coração, de toda a alma e de todo o entendimento"

O primeiro mandamento: EU SOU O SENHOR TEU DEUS. NÃO TERÁS OUTROS DEUSES ALÉM DE MIM

442. O que implica a afirmação de Deus: "Eu sou o Senhor teu Deus" (Ex 20,2)?
443. O que comporta a Palavra do Senhor: "Adorarás o Senhor, teu Deus, e só a ele prestarás culto" (Mt 4,10)?
444. De que modo a pessoa exerce o próprio direito de prestar culto a Deus na verdade e na liberdade?
445. O que proíbe Deus quando manda: "Não terás outros deuses além de mim" (Ex 20,2)?
446. O mandamento de Deus: "Não farás para ti imagens esculpidas..." (Ex 20,3) proíbe o culto das imagens?

O segundo mandamento: NÃO PRONUNCIARÁS O NOME DE DEUS EM VÃO
447. Como se respeita a santidade do Nome de Deus?
448. Por que é proibido o juramento falso?
449. O que é o perjúrio?

O terceiro mandamento: LEMBRA-TE DE SANTIFICAR AS FESTAS
450. Por que Deus "abençoou o dia do sábado e o santificou" (Ex 20,11)?
451. Como se comporta Jesus em relação ao sábado?
452. Por qual motivo, para os cristãos, o sábado foi substituído pelo domingo?
453. Como se santifica o domingo?
454. Por que é importante reconhecer civilmente o domingo como dia festivo?

Capítulo 2° -"Amarás o teu próximo como a ti mesmo"

O quarto mandamento: HONRAR TEU PAI E TUA MÃE
455. O que ordena o quarto mandamento?
456. Qual é a natureza da família no plano de Deus?
457. Que lugar ocupa a família na sociedade?
458. Que deveres tem a sociedade em relação à família?
459. Quais são os deveres dos filhos em relação aos pais?
460. Quais são os deveres dos pais em relação aos filhos?
461. Como os pais educam os seus filhos na fé cristã?
462. Os laços familiares são um bem absoluto?
462. Como deve ser exercida a autoridade nos vários âmbitos da sociedade civil?
464. Quais são os deveres dos cidadãos em relação às autoridades civis?
465. Quando o cidadão não deve obedecer às autoridades civis?

O quinto mandamento: NÃO MATARÁS
466. Por que a vida humana deve ser respeitada?
467. Por que a legítima defesa das pessoas e das sociedades não vai contra essa norma?
468. Para que serve uma pena?
469. Que pena se pode impor?
470. O que proíbe o quinto mandamento?
471. Quais procedimentos médicos são consentidos quando a morte é considerada iminente?
472. Por que a sociedade deve proteger todo embrião?
473. Como se evita o escândalo?
474. Que dever temos em relação ao corpo?
475. Quando são moralmente legítimas as experiências científicas, médicas ou psicológicas com pessoas ou com grupos humanos?
476. São permitidos o transplante e a doação de órgãos, antes e depois da morte?
477. Que práticas são contrárias ao respeito da integridade corpórea da pessoa humana?
478. Quais cuidados se devem ter com os moribundos?
479. Como devem ser tratados os corpos dos defuntos?
480. O que pede o Senhor de toda pessoa a respeito da paz?
481. O que é a paz no mundo?
482. O que exige a paz no mundo?
483. Quando é moralmente permitido o uso da força militar?
484. Em caso de ameaça de guerra, a quem cabe a avaliação rigorosa de tais condições?
485. Em caso de guerra, o que exige a lei moral?
486. O que é preciso fazer para evitar a guerra?
 

Utilizamos padrão de alta qualidade técnica e de conteúdo abordado de forma ampla, dinâmica e eficaz para o aprendizado.

Todo o conteúdo das aulas é disposto em vídeo, garantindo o dinamismo da aula e o total poder de acompanhamento por parte do aluno e, consequentemente, seu maior aproveitamento do conteúdo abordado.

Além disso, os materiais didáticos (compostos de apostilas e materiais de apoio) referentes à aula assistida são disponibilizados ao aluno para download.

A maior aliada em nossos cursos é a internet e a utilização desta ferramenta garante uma grande flexibilidade de tempo, de acordo com as possibilidades do aluno.


Carga Horária

O Curso possui:
- 52 videoaulas; 
- Apostila com todo o conteúdo das videoaulas;

Além do tempo que o aluno se dedicará a assistir aos vídeos, encontrará também no ambiente virtual a possibilidade de:
- fazer download da apostila para acompanhar as videoaulas e também estudar fora do ambiente virtual;
- fazer suas anotações pessoais no espaço chamado “Blog”;
- formatar o seu perfil para interação;
- participar do fórum de debates interagindo com os outros participantes do curso;
- reassistir aos vídeos para fixar o conteúdo;

Carga horária total deste curso: 54h

EAD Século 21, o site de Educação a Distância da Rede Século 21.

Dom Murilo Krieger

  • Dom Murilo Krieger nasceu em Brusque (SC) em 19 de setembro de 1943. Foi ordenado presbítero em 1969 e sua nomeação episcopal aconteceu no dia 16 de fevereiro de 1985. Ele é arcebispo de Florianópolis desde fevereiro de 2002.
  • Nos estudos, o novo arcebispo de Salvador fez filosofia em Brusque, teologia no Instituto Teológico SCJ, em Taubaté (SP); especialização em espiritualidade em Roma [Itália] e letras, na Faculdade Anchieta de São Paulo (SP).
  • Como bispo, dom Murilo foi auxiliar de Florianópolis (1985 – 1991); bispo de Ponta Grossa (PR) (1991 – 1997); presidente do Regional Sul 2 (Paraná) em (1995 – 1999); e (1999 – 2002); arcebispo de Maringá (PR) (1997 – 2002); presidente do Regional Sul 4 (Santa Catariana) de (2007 – 2011).
  • Atualmente é arcebispo de Salvador (BA) e primaz do Brasil, título ao arcebispo de Salvador – por ser esta a primeira diocese criada no Brasil. Foi nomeado pelo Papa Bento XVI em 12 de janeiro de 2011, tomando posse em 25 de março do mesmo ano.
  • Dez livros já foram publicados por dom Murilo, entre eles, Deixa meu povo ir (Paulus); O primeiro, o último, o único Natal ( Loyola); Com Maria, a mãe de Jesus (Paulinas).
  • Seu lema episcopal é “Deus é amor”.

Atendimento (19) 3849-9280

Todos os direitos reservados - 2010 - 2017 - EAD Século 21

Powered by
Associação Brasileira de Assistência e Cultura